Ordem dos Frades Menores Conventuais - Custódia Provincial Imaculada Conceição dos Franciscanos Conventuais do Rio de Janeiro - PAZ & BEM!!!

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Começa a discussão dos temas propostos no Instrumentum Laboris

Visita dos Ministros Gerais Franciscanos e homenagem aos restos mortais de cinco  primeiros companheiros de São Francisco marcaram a quinta sessão capitular.
Missa de hoje foi realizada imediatamente após Laudes. Frei Marco Tasca presidiu-a cercado por todos os recém-eleitos do Definitório. No final da Eucaristia, Frei Jerzy Norel fez sua solene profissão de fé e o seu juramento como Vigário Geral. Todos os outros assistentes gerais, um de cada vez, prometeu solenemente a cumprir fielmente suas responsabilidades para com a Ordem.
A quinta sessão do capítulo, para lidar com as propostas do Instrumentum Laboris, começou às 10 horas na Sala do Capítulo.
Frei Fermino Giacometti apresentou a primeira proposta: sobre a continuação da revisão sistemática das Constituições. Após a apresentação, alguns esclarecimentos foram solicitados e recebidos.
Após o intervalo, os frades capitulares foram visitados pelos:
Ministro Geral dos Frades Menores: Frei José Carballo,OFM;                                                        
Ministro Geral dos Capuchinhos: Frei Mauro Jori, OFMCap;                                                           
Vigário Geral da TOR: Frei Bernat Nebot,TOR                                                                               
Ministra Geral da OFS: Encarnación del Pozo,OFS;                                                                          
Irmã Patrizia Nocitra Presidente da Federação Italiana das Clarissas Pobres Urbanistas;
Aguzzoni Raffaella Presidente Internacional da Milícia da Imaculada. 
Os Frades capitulares ouviram os cumprimentos de cada um de seus convidados ilustres, que expressaram a unidade e a cooperação significativamente mais ampla da grande Família Franciscana.






Cerca das 12h45min os membros do Capítulo, juntamente com os Ministros Gerais e as Presidentes desceram à Basílica Inferior para homenagear os corpos de cinco companheiros de São Francisco, cujos restos mortais foram examinados nos últimos meses.
Os restos mortais de Bernardo de Quintavalle, Silvestre de Assis, Guilherme da Inglaterra, Eleito de Assis e de Valentino de Narni que estão expostos nestes dias, antes de serem colocados de volta em seus túmulos no transepto direito da Basílica, sob o afresco da Virgem Maria em majestade de Cimabue.
Após o almoço, os diferentes grupos linguísticos, começaram a trabalhar de novo. Depois de recitarem a Oração da hora média, retomam o tema dos critérios a seguir na revisão das Constituições. Estes trabalhos chegaram ao fim com as Vésperas e jantar.

Frei Alessandro Ratti (tradução SFC) de: http://www.capgenofmconv2013.info/

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Eleição do Definitório Geral


A quarta sessão do Capítulo continuou hoje com a eleição do Vigário, o secretário e os Assistentes Gerais. Frei Bogdan Sikora, Ministro da Província Checa está no hospital em Perugia e o ex-Ministro Geral Joachim Giermek estava ausente por causa de uma situação familiar grave. Frei Joaquim enviou uma carta em que ele parabenizou Frei Marco Tasca para sua reeleição. Havia, então, 86 Frades para votar nesta manhã. A mensagem do Santo Padre Bento XVI para o reconfirmado Ministro Geral foi anunciada na Sala do Capítulo.


Os Frades que foram eleitos: Frei Jerzy Norel, Vigário Geral, Frei Vincenzo Marcoli, Secretário Geral, e os outros assistentes: Frei Jacek Ciupiński (CEO), Frei Tadeusz Świątkowski (AFCoF), Frei Miljenko Hontić (CEC), Frei Jude Winkler (CFC), Frei Jorge Rolando Fernández (FALC), Frei Benedetto Baek (FAMC) e Frei Joaquín Ángel Agesta Cuevas (CIMP).
O Frade “novo” no Definitório é Frei Joaquín, substituindo Frei Valentin Redondo. Frei Joaquín Cuevas, vai desistir de sua responsabilidade como Provincial da Espanha para vir a Roma como assistente para a Federação do Mediterrâneo.
Mas devemos observar que durante os seis anos anteriores três Definidores (Jude, Benedetto e Jorge), por diversas razões - se tornaram membros do Definitório após o Capítulo Geral eleito pelo Definitório Geral.
Por causa do comprimento das eleições para o Definitório Geral, as Vésperas e Santa Missa foram transferidas de volta para 18hs. Frei Sebastian Pendanathu, Ministro Provincial da Índia presidiu a Eucaristia em Inglês. Frei Jude pregou a homilia.
Às 19h30 os Frades capitulares foram convidados das Irmãs Franciscanas Missionárias de Assis em sua casa Geral para um jantar. Estas irmãs chamadas "Del Giglio", nome da fundadora, tiveram laços estreitos com a família Menor Conventual desde a sua fundação, no século XVIII, na inspiração de um Frade do Sacro Convento, Frei Giuseppe Antonio Marcheselli.

Frei Alessandro Ratti, OFMConv (tradução SFC)

http://www.capgenofmconv2013.info/index.php?option=com_content&view=article&id=178:30-01-2013&catid=36:seconda-settimana-2701-202&Itemid=63&lang=es
 

A eleição do Ministro Geral para segundo mandato

Frei Marco Tasca eleito para um segundo mandato como Ministro Geral

Aplausos ecoaram através da Sala Papal do Sacro Convento quando no primeiro escrutínio Frei Marco foi reeleito como Ministro Geral para os próximos seis anos.
Os frades capitulares estavam esperando por este dia, o dia mais importante do Capítulo, quando eles discerniriam quem seria o sucessor de São Francisco. O dia começou às 8 horas, com Laudes e Missa Votiva do Espírito Santo, presidida pelo membro mais velho do Capítulo, Frei Alfredo Calleja, Provincial de Malta. O pregador, Frei Jude Winkler convidou os frades a obedecer à voz do Espírito, e não apenas nesta eleição, mas também em estar disponível para ajudá-lo no Definitório Geral - como Provinciais e Custódios – em obediência aos irmãos que lhes foram confiados.










Cerca das 10 da manhã, os frades, reunidos na Sala Papal do Sacro Convento de Assis, oraram Veni Creator Spiritus. Frei Alfredo presidiu a eleição. Frei Luigi Costantini, Secretário da Ata, pediu a todos os frades sem direito a voto para deixarem o salão. Após a chamada, as cédulas eram distribuídas e depois os 86 frades com direito votaram. Logo após os votos serem lidos, soaram os aplausos dos frades: Frei Marco Tasca foi eleito Ministro Geral dos Franciscanos Conventuais para os próximos seis anos, por mais de dois terços dos votantes. Frei Luigi Costantini, recebeu o consentimento, proclamou-o oficialmente eleito.
Os sinos da Basílica de São Francisco ressoaram com alegria por um longo tempo, felizes, os frades entraram em procissão ao túmulo do Seráfico Pai entoando o Te Deum. Frei Marco Tasca fez a sua Profissão de fé e jurou fazer tudo em seu poder para que os frades observem a Regra e as Constituições da nossa Família Franciscana e em fortalecer a vida religiosa dos Frades cada vez mais coerente com o Evangelho. Finalmente cada um dos frades abraçou o Ministro Geral como um sinal de obediência.
Os frades retornaram à sala capitular, após o almoço, para a oração da tarde. Houve um breve discurso Ministro neo eleito. Frei Marco Tasca pede então, para os frades reunirem os grupos, divididos pelas Federações/Conferências, a fim de formular as listas de possíveis candidatos para Assistentes Gerais, para compor o seu Definitório.




As 19h15 na Basílica Inferior a comunidade dos Frades do Sacro Convento se juntou aos Frades capitulares para rezarem solenemente as Vésperas. O Ministro Geral presidiu a oração e Frei Giuseppe Magrino dirigiu o glorioso Coro da Basílica de São Francisco de Assis.

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Reeleito Ministro Geral da Ordem dos Frades Menores Conventuais

Frei Marco Tasca da Província de Santo Antônio, Pádua (Itália).
Foi reeleito hoje, dia 29 de janeiro de 2013, o Ministro Geral da Ordem dos Frades Menores Conventuais. Ele nasceu em 09 de junho de 1957 em Sant'Angelo di Piove (Província de Pádua, Itália).
Entrou na Ordem em 29 de setembro de 1968, em Camposampiero. Fez a profissão temporária 17 de setembro 1977 e sua Profissão Solene dia 28 de novembro 1981. Ordenado sacerdote no 19 março de 1983 em Sant'Angelo di Piove , sua terra natal, pelas mãos de Dom Filippo Franceschi, bispo de Pádua.
Fez o noviciado em Pádua, na Basílica de Santo Antônio (1976-1977). Depois do noviciado, iniciou os estudos teológicos no Instituto Teológico "Santo Antônio Doutor de Pádua”, de onde obteve o título acadêmico de bacharel em 1982. Em 1982, ele foi transferido para Roma, para a comunidade internacional do Seraphicum, para estudo de graduação na Pontifícia Universidade Salesiana.  Em 1986 ele obteve uma licenciatura em Psicologia na UPS e, dois anos depois, de Teologia Pastoral nesta Universidade.
Retornou então para a sua província, onde, de 1988 a 1994, foi reitor do seminário menor de Bréscia, e depois no pós-noviciado de Pádua, de 1994 a 2001. Ensinou Psicologia e Catequese, no Instituto Teológico de “Santo Antonio Doutor de Pádua". No Capítulo Provincial de 2001, foi eleito Custódio e Guardião capitular do Convento Camposampiero (Pádua), cargo que ocupou até 2005, quando foi eleito Ministro Provincial. 
É vice-presidente nacional do CISM e Mo. Fra.Ne (Movimento Franciscano Nordeste da Itália).
No dia 26 de maio de 2007, no Sacro Convento de Assis, o Capítulo Geral Ordinário o elegeu como 119º sucessor de São Francisco.

Fonte: http://www.capgenofmconv2013.info/index.php?option=com_content&view=article&id=165%3Afr-marco-tasca-ofmconv&catid=36%3Aseconda-settimana-2701-202&Itemid=63&lang=es

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

A Ordem avalia sua vida


Na segunda semana de trabalho, o capítulo é recebido com chuva, mas agradeceu a Deus pelo tempo lhes deu. Hoje a oração da manhã foi presidida pelo Frei Rafael Garabito, Custódio da Colômbia. Na sala capitular foram lidos os resultados das reflexões dos grupos, desenvolvidas nos dias anteriores.
Com franqueza e realismo, mantendo o princípio da caridade e misericórdia, foram avaliadas diferentes áreas da vida religiosa: a oração e união com Deus, à vida fraterna e treinamento ministerial. Também avaliou o atual processo de revisão das Constituições, mas a questão parece um pouco distante para muitos frades. 
Os frades que vivem na África (AFCoF) enfatizou as dificuldades de ser convidado a deixar tudo o que é familiar e da necessidade constante de formação para a missão.
Os frades da Europa Central (CEC) chamaram a atenção para a mediocridade e falta de espiritualidade, também ressaltou o desejo de melhorar as relações e programar uma cooperação fraterna sem fronteiras. 
O grupo de Frades da Europa Oriental (CEO) colocou ênfase no aprofundamento da identidade do carisma de Frade Menor Conventual, e o quão importante é a educação continuada e na formação.  O grupo anglo-americano observou os desafios de uma cultura secular que está mudando rapidamente, e isso afeta o estilo de vida dos frades.



Os Frades do Inter Mediterrâneo (CIMP) observa a tensão constante entre os ideais expressos em documentos e realidade diária, sentindo a necessidade de uma formação capaz de dar um testemunho mais límpido com o crescimento dos frades nas relações humanas e obras apostólicas.
 O grupo dos Frades latino-americanos (FALC) falou sobre seu progresso em programas em conjunto de formação inicial, a cuidado aos pobres, e em uma estreita relação com a Igreja local.
O grupo Asiático (FAMC) enfatiza a importância dos Frades mais velhos como "combatentes na oração". A juventude dos bairros, no entanto, ainda não permite uma forte identidade carismática e comunidade inculturada. 



Quase todos os grupos enfatizaram: a necessidade de aprender línguas estrangeiras para superar as dificuldades de comunicação, reviver o espírito missionário e a paixão pela Nova Evangelização, e, sinceramente abraçar multiculturalismo.
No final da manhã, os auditores apresentaram suas conclusões sobre a regularidade da Economia Geral da Ordem. Por fim, o Secretário da Ata disse que amanhã iniciará a terceira sessão do Capítulo em que elegerá o Ministro Geral da Ordem.
Peregrinação a Nossa Senhora dos Anjos
Na parte da tarde, membros do Capítulo foram em peregrinação a Nossa Senhora dos Anjos. Reunidos em torno do berço da Ordem - Porciúncula, os Frades participaram de uma Liturgia Penitencial, a fim de se prepararem melhor para a eleição de mais um sucessor do Seráfico Pai São Francisco. Um belo buquê de rosas a Nossa Senhora dos Anjos iniciou a meditação sobre os textos da Regra e do Testamento de São Francisco.







O jantar foi organizado pelos Frades Menores do Protoconvento que acolheram com hospitalidade os confrades Conventuais. Antes de compartilharem fraternalmente a mesa, houve a possibilidade de visitar os ambientes da construção que protege o lugar que São Francisco amava.
Depois do jantar, o Ministro Geral Frei Marco Tasca, agradeceu de coração ao Custódio/guardião Frei Fabrizio Migliasso, pela acolhida e pela oportunidade dos Frades capitulares fizesse uma pausa de espiritualidade, da qual viveram com gratidão, antes do próximo grande evento do Capítulo Geral.


Texto de Frei Alessandro Ratti OFMConv, tradução São Francisco em CONVersa de:

Veja estas e mais fotos do Capítulo em nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/pages/S%C3%A3o-Francisco-em-Conversa/256538384388268

sábado, 26 de janeiro de 2013

Termina a primeira semana do Capítulo Geral


Apesar do frio, um sol lindo alegra os frades que se reúnem em Assis. Depois de dias de chuva, uma refrescante mudança de tempo é experimentada. Por causa das baixas temperaturas e doenças sazonais, alguns frades tiveram que ficar de cama. As alterações climáticas, para os quem vem de países quentes, é notável, um teste ao condicionamento físico.
Hoje, após as orações da manhã, presidida pelo Frei Jacek Ciupiński, Assistente Geral para a Europa Oriental, o Capítulo se reuniu em grupos das Conferências / Federações. Durante a manhã completaram o trabalho de avaliação e revisão de vida da Ordem durante os últimos seis anos, a fim de equilibrar o que foi feito e sugerir algumas diretrizes de orientação para o futuro próximo. Neste dia não foi agendada nenhuma assembleia plenária.


Frei Zachariasz Jarosław, Ministro polonês da província de Santo Antônio, presidiu a missa do meio-dia e Frei Jude, na homilia diária, salientou para ver claramente e não interpretar mal a mensagem de Jesus, devemos andar com Ele ao Calvário, como nos lembram o hábito em forma de cruz que os frades usam todos os dias.
A celebração dos onomásticos animaram o almoço fraterno e foram devidamente aplaudido: o Frei Tito Yoon, Provincial da Coréia e o Frei Timothy Kubilcki delegado da Província de Santo Antônio dos EUA.
Quando a noite cai e todos entram para o repouso do fim de semana, os tradutores, em vez disso, começam seu trabalho minucioso sobre a legislação planejado pelos grupos: suas versões permitirá que os frades de diferentes origens possam entender a síntese dos grupos expressas em línguas não conhecidas para eles.




Frei Alessandro Ratti OFMConv
(Tradução para o português: São Francisco em CONVersa)

Os Mais Vistos