Ordem dos Frades Menores Conventuais - Custódia Provincial Imaculada Conceição - Franciscanos Conventuais do Rio de Janeiro - PAZ & BEM!!!

sábado, 1 de janeiro de 2011

Feliz Ano do Senhor


Feliz Ano Novo é o que desejamos uns aos outros, na passagem de um ano para o outro, momento em que é muito propício para nos confraternizar e desejar tudo de bom. Esse desejo de recomeço, representado com os símbolos fraternos do abraço, da cor branca, das bebidas, etc; vem mostrar o arquétipo de todos os homens, ou seja, a dinâmica de ter que ser, de se fazer naquilo que lhe é originário.
O originário do homem é ser livre, mas esse ser livre é ser livre para... e não livre de... Essa fala “feliz ano novo”, condensa toda uma realidade ontológica.
Feliz, é como aquela criança que suga o leite da mãe, isto é, ao desejar essa felicidade, estamos a convocar o outro para a essência da vida: que é saber dar sempre um novo toque, único, real e só daquela vez, a existência.
Ano, é lugar onde estou, no tic-tac da existência, que cronologicamente todos estão; animais, plantas, coisas. Mas só o homem vive nele de maneira diferente, onde cada “tic” e cada “tac” do relógio decisivo, pode mudar toda uma vida, mas isso só o homem pode fazer.
Novo, é o modo como o homem pesa a vida, o seu ser, a existência; onde fica a espera do inesperado, e a qualquer momento o “novo” se revela, mostrando algo totalmente novo e inaudito. E com isso sempre de novo emerge um ser novo e originário, “o mundo é recriado” como e da mesma forma que saiu das mãos do criador.
Portanto, “feliz ano novo”, é o desejo mais íntimo do nosso ser, de querer não só para um, mas para que todos encontrem a sua saúde originária, de filhos de Deus; isso, meus irmãos, não nos pode ser tirado.
Feliz Ano Novo...
+ Paz e Bem...

Nenhum comentário:

Os Mais Vistos